sábado

Rita Apoena

Borboletas Paralíticas


"Sim, eu sei. Pode parecer maluquice, mas eu vou mesmo desparafusá-las e arremessá-las no jardim. Mesmo que elas não possam voar, ficarão entre as flores, o devido lugar das borboletas paralíticas. Não suporto mais essa idéia de abrir a janela, levantar os vidros e vê-las ali, disfarçadas de dobradiças."

2 comentários:

Eugênio disse...

Nossa, estou sem palavras, genial..o/

Renata Lobo disse...

Ela não é linda??! Amo os textos dela!!! rsrsr